segunda-feira, 14 de dezembro de 2015

Como escrever resumos e títulos de artigos


Oi, amig@s.
Hoje vou conversar com vocês um pouco sobre a escrita de resumos de artigos acadêmicos.  Tem bônus sobre composição de títulos também.
O resumo é um bichinho bem estranho. A gente acha que faz bem, mas sempre tem que refazer muitas vezes. Eu trabalho com resumo de duas formas bem diferenciadas, mas que são super úteis para mim. O resumo pode ser na forma de rascunho, ou seja, servir como um plano para eu nortear minha escrita, mas ainda prefiro os mapas mentais. E a segunda forma é o que realmente seria sua função: retirar o extrato do texto, de forma a apresentar as ideias. O resumo e o título são MUITO importantes, sempre. O resumo, geralmente, obedece a seguinte ordem:
1- Objetivo (s)
2- Materiais e métodos
3- Resultados
4- Conclusões
Experimente preencher essas questões como se fosse um questionário. Depois monta o texto retirando as palavras acima. Olha, tem muita chance de dar certo!
Quero falar ainda sobre os pontos 3 e 4. Resumo não deve ter suspense. Não é final de novela, galera. Os resultados DEVEM estar de forma condensada no resumo. Caso contrário, aí é que ninguém vai ler. Vai por mim.
E o título...ah, o título...Fiquei anos bancando a engraçada e tentando fazer rimas e títulos bacaninhas. Ô arrependimento. Até minha dissertação de mestrado foi trecho de música (#vergonha). Enfim, superei. Agora quero dizer e digo, sem anedotas. E ponto.
Espero que seja útil para vc.
Com carinho,

Ju.

4 comentários:

  1. Puxa precisava dessa dica uma semana antes.. mas valeu assim mesmo.

    ResponderExcluir
  2. Títulos que são enredos de escola de samba não estão com nada e são cafonésimos. Existem resumos sem fim e são maiores ou iguais a introdução. Como biblitecária fico louca! Acrescentaria nessas dicas a extensão e a escolha adequada das palavras-chave.

    ResponderExcluir